Novos clientes

Campanha e-commerce: conheça os novos vídeos

A Sage acaba de lançar dois novos vídeos promocionais que ajudam os Clientes a criar um novo negócio de e-commerce e a gerir melhor a faturação das vendas online.

Como criar um negócio online em 10 passos 

  1. Planeie o produto. Como irá desenvolver, armazenar e enviar o seu produto? Aspetos a considerar: design, dimensões, preço, etc
  2. Encontre a sua base de clientes. Pense na idade, sexo, localização e rendimento disponível ao estabelecer preços e planear a sua estratégia de marketing.
  3. Pesquise a concorrência. Consegue oferecer melhor qualidade? Um preço mais baixo? Escolha a sua proposta de valor única e comunique-a claramente.
  4. Dê um nome ao seu negócio. Fácil de recordar e que capte o espírito da sua marca.
  5. Escolha os fornecedores. Irá fabricar o seu produto ou encontrará um fabricante?
  6. Planeie a distribuição. Não tem muito espaço de armazém? Considere a opção do dropshipping, segundo a qual é o fornecedor que dará seguimento à encomenda.
  7. Organize as suas finanças. Guarde tudo em registos digitais e invista num software de faturação, integrado com as lojas online, que o ajude a manter tudo sob controlo.
  8. Aposte nas redes sociais. Encontre o sítio certo para se conectar com os Clientes.
  9. Fale com os Clientes. Ter um negócio online significa responder aos Clientes e publicar atualizações sobre o seu produto, em segundos.
  10. Avalie o seu desempenho. Registe as suas principais métricas, por exemplo, o número de visitas ou quanto tempo passam os utilizadores no seu site.

 

5 regras para gerir a faturação do seu negócio online

    1. Vendas à distância. A informação a prestar ao consumidor final deve ser clara, precisa e objetiva; tem que haver uma aceitação expressa e informada por parte do Cliente e essa informação deve ser declarada no meio onde se formaliza a venda.
    2. Registo no balcão único. Caso realize vendas anuais a particulares superiores a 10 mil euros, expedidas para a União Europeia (EU), tem que perguntar ao contabilista como proceder ao registo no balcão único ou falar diretamente com a AT.
    3. Clientes empresariais. Se vender a clientes empresariais, tem obrigatoriamente de emitir faturas com NIF, nome e morada fiscal. Um software de faturação integrado com e-commerce permite-lhe incluir as informações adicionais de IVA que necessita.
    4. Consumidores na UE. Poderá utilizar o One Stop Shop ou Import One Stop Shop.
    5. Devoluções. Os seus clientes têm o direito à devolução da mercadoria no prazo de 14 dias, o que implica criar uma nota de crédito para reverter a venda registada na fatura original. Não esqueça que os Clientes têm também o direito a desistir da compra durante 12 meses, exceto se o contrato de venda especificar 14 dias. 

Saiba mais sobre software para e-commerce e sobre as vantagens de gerir a sua loja virtual totalmente integrada com o software de faturação aqui

 

Andreia Cabo
NCA Campaign Manager