Tendencias

6 tendências em marketing digital

A eficácia das estratégias de marketing depende cada vez mais da tecnologia. As ferramentas de data intelligence permitem conhecer melhor as preferências do consumidor e antecipar as tendências de mercado.

Os departamentos de marketing são cada vez mais pressionados para o uso mais eficiente dos recursos e para uma maior eficácia no cumprimento dos indicadores-chave de desempenho (KPI, key performance indicators, na sigla em inglês). Isso implicar antecipar a evolução do mercado e a dos comportamentos e preferências dos consumidores. Conheça as tendências que estão em alta neste momento.

 

Social media intelligence

É como um estudo de mercado ao longo da vida, mas extraído das redes sociais. Ou seja, é o Big Data “tradicional” aplicado às redes sociais. Os utilizadores da Internet estão constantemente a gerar uma quantidade enorme de dados. O desafio é poder aproveitá-los de maneira correta para ter as informações que nos permitam tomar as decisões certas nos momentos certos e dar uma resposta em tempo real.

Assim, rastreando o perfil de navegação e as interações nas redes sociais dos utilizadores, podemos extrapolar as suas preferências e comportamentos e testar, por exemplo, qual o tipo de conteúdos favoritos, as promoções que melhor funcionam ou a que dia ou hora enviar uma newsletter.

 

Marketing automation

Envolve o uso de software para realizar ações de marketing de uma maneira automatizada, melhorando a eficiência dos processos e o controle sobre os seus resultados. Há muitos exemplos da utilização corrente do marketing automation, como por exemplo, nutrir leads (e-mails enviados automaticamente depois dos visitantes de um site executarem uma ação específica), lead scoring (ranking automático de leads), ou chatbots para atendimento do cliente em sites e redes sociais (software que permite realizar uma conversa rápida com o utilizador em tempo real).

 

Mensagens instantâneas

O WhatsApp está a emergir como o rei das mensagens instantâneas, destronando os rivais como o Viber. Quantas vezes abrimos este aplicativo por dia? Porque não transformá-lo em uma estratégia de marketing digital tirando partido de funcionalidades úteis como a criação de grupos ou o envio de notificações? A tendência poderá acentuar-se com o lançamento recente do WhatsApp Business, um serviço dirigido a pequenas e médias empresas que funciona de forma praticamente similar à do aplicativo para particulares.

 

Tecnologias de voz

Os dados da Google relativos ao perfil de utilização do seu motor de pesquisa junto dos chamados “nativos digitais” (jovens que nasceram depois do advento da internet), indicam que quase 20% dos pedidos de buscas já são feitas através de voz. Essa tendência, referem os especialistas, implicam que estar entre os três conteúdos mais relevantes de uma pesquisa sobre um determinado tema tornou-se uma batalha hoje mais importante do que nunca. O designado SEO (search engine optimization) veio para ficar.

 

O poder do efémero

Saber contar uma boa história sempre esteve na moda. O que poucos sabiam é que isso se tornaria um dos temas-chave do marketing moderno. O poder das histórias nas redes sociais como o Snapchat, Instagram e Facebook é ainda mais importante quando falamos de conteúdo efémero (que desaparece depois de 24 horas). Hoje posicionar uma marca significa publicar histórias que surgem no topo dos conteúdos das redes sociais social dos seus seguidores. Os estudos de mercado dizem que todos os dias são publicadas cerca de 200 milhões de histórias no Instagram.

 

O vídeo continua a rodar

O grande futuro do marketing de conteúdos continua a passar pelos vídeos. Na verdade, espera-se que, em 2019, 80% do tráfego online esteja vinculado a eles. Os vídeos são uma ferramenta poderosa de oferecer conteúdos de entretenimento ou para ajudar os consumidores a utilizar melhor um produto ou serviço. Eles estimulam a interação e as conversas com o consumidor e melhoram o nosso posicionamento SEO, ou seja, a nossa posição nas pesquisas através dos motores de buscas.