Entrevistas

5 perguntas a Carla Gala

Queremos que conheça melhor os colaboradores que tornam possível o sucesso do Sage Partner Program. Nesta entrevista, Carla Gala, Partner Account Manager, destaca os grandes valores do SPP e antecipa o lançamento de novidades como o auto-update, trocas e devoluções entre lojas usando o Loja connection, integração com TPA da Ingénico e outras surpresas que irão ajudar os Parceiros a darem um “boost” nos negócios em 2021.

 

Há quanto tempo trabalha na Sage? Pode descrever-nos a sua função?

Estou na Sage há 2 anos e meio, com responsabilidade de gerir um conjunto de Parceiros Platinum & Gold. A aposta da Sage no seu canal de Parceiros tem sido constante e muito reforçada nos últimos anos. Os resultados dos nossos Parceiros, são os nossos resultados.

O objetivo principal, como Partner Account Manager, é garantirmos que ajudamos os nossos Parceiros a atingirem o máximo do seu potencial, desenvolver o negócio, adaptarem-se ao mercado e promover o crescimento. Para isso, apostamos em transmitir a estratégia da Sage, partilhar as nossas linhas orientadoras e as iniciativas que promovemos, que poderão ajudar os seus negócios a crescer.

Só conseguimos resultados, se conseguirmos que os Parceiros estejam alinhados com a nossa estratégia e que o foco seja comum. E só conseguimos atingir resultados se apostarmos numa relação profissional de confiança e proximidade. A meta é o reforço da nossa parceria, e acima de tudo, criarmos parcerias sólidas.

 

Que feedback sobre o Sage Partner Program tem recebido? Que tipo de iniciativas são mais valorizadas, em particular as relativas ao segmento Platinum & Gold?

Termos um programa de Parceiros, o SPP, é fundamental quando temos um modelo indireto, alavancado num canal de Parceiros. O SPP permite uma relação com os Parceiros baseada em valores que são muito importantes: equidade, transparência, simplicidade e confiança mútua. O SPP tem sido um programa que vem evoluindo, todos os anos, a Sage faz questão de ouvir os nossos Parceiros, interpretar as suas preocupações/sugestões e incluí-las no SPP. Desta forma, conseguimos ter um documento que inclui as necessidades do mercado, a nossa estratégia, mas, também as premissas do nosso canal de Parceiros.

Acredito que o que os Parceiros mais valorizam é a transparência, o saberem com o que podem contar, mas, também as orientações estratégicas e a nossa visão da evolução do mercado das TI e o que vai impactar nos negócios de cada Parceiro.

 

Como acha que os Parceiros podem abordar a comercialização das soluções Sage 100cloud?

O mercado alvo desta solução são as empresas de média dimensão, com processos de negócios complexos e que exigem um serviço de excelência. Por isso surge o Sage 100cloud que, de uma forma transversal à empresa, ajuda a gerir todos os seus processos empresariais. 

Neste sentido, a estratégia de abordagem da solução Sage 100cloud tem de ser via diferenciação, até porque esta aplicação fornece aos nossos Clientes soluções potentes, integradas, de baixo custo de implementação e operação. Pretendemos que os nossos Parceiros se especializem, adquiram competências elevadas e criem soluções específicas para os diversos sectores de atividade.

A Sage pode ter um papel muito importante em promover o networking. Um Parceiro que seja especialista e que tenha uma solução para um determinado sector, pode trabalhar com outro Parceiro que não domine o tema. A colaboração entre Parceiros, tem todo o sentido ser promovida e o Sage 100c, sendo uma solução fiável e personalizável para cada setor de atividade, promove este tipo de interação.

 

Em que consiste a estratégia de UpSell de Clientes, que é um dos focos do SPP para 2021?

A estratégia de UpSell está baseada num dos pilares do FY21 – Start With The CustomerA Sage tem uma oferta muito completa, conseguimos ir da pequena empresa até à grande empresa, passando por mercado verticais, como os contabilistas e o retalho. 

Se ouvirmos os Clientes, escutarmos as suas dores, percebermos as suas necessidades, de certeza que conseguimos colocar a tecnologia a ajudá-los. A tecnologia é cada vez mais importante na vida das empresas, quer seja a apoiar uma empresa a tornar-se digital, via e-commerce- Paralelamente pode ajudar-las a reduzir custos, a dar mais opções de venda e a fidelizar Clientes, quer seja a promover ferramentas de aumento de produtividade, como o diagnóstico SVAT, ou com o Arquivo Digital a apoiar na desmaterialização. através de uma solução completamente integrada que junta produtividade, automatização, eficiência e redução de custos.

 

Como é que as empresas estão a reagir ao momento desafiante que atravessamos? Existem sinais positivos quanto à aposta na digitalização como fator crítico para a recuperação pós-crise?

Acredito que todas as empresas estão a passar por momentos desafiantes, sem dúvida que estamos a passar por tempos únicos. Através do nosso plano de ajuda, temos conseguido ir de encontro às pretensões e necessidades de cada Cliente e preparámos um conjunto de medidas para responder às necessidades particulares dos nossos Clientes durante este período de circunstâncias excecionais, assim como na retoma da sua atividade.

Mas, o grande desafio para todas as empresas é reinventar-se e perceber, com estes novos tempos, como fazer negócios. As premissas foram mudando a uma grande velocidade nos últimos anos, e as empresas que não se adaptarem vão ter mais dificuldades. A aposta que a Sage está a fazer na digitalização, pode ser um catalisador para apoiar as empresas não só a passar esta fase, mas, também, a crescerem e a tornar-se mais competitivas.

Quanto a novidades não legais, teremos funcionalidades como o auto-update, trocas e devoluções entre lojas usando o Loja connection, integração com TPA da Ingénico e mais algumas surpresas que irão ajudar os nossos Parceiros a darem um “boost” nos negócios em 2021.

 


Carla Gala

  • Cargo: Partner Account Manager
  • Local: Porto
  • Experiência profissional: A minha experiência profissional esteve sempre ligada ao sector das TI e em especial aos ERP’s, desde programar, técnica de software, comercial, em empresas que comercializavam soluções. Mais tarde, em software house, comecei como gestora de conta e tive a experiência de gerir equipas e projetos. Atualmente sou Partner Account Manager Sage.
  • Formação: Licenciatura em Informática de Gestão, Mestrado Executivo em Sales Management.
  • Hobbies: Caminhadas, Pilates, viajar, ler, ir ao cinema e estar com os amigos e família
  • Contacto: [email protected]