Eventos

Os melhores momentos da EXPO RH 2018

“Experience is the way” foi o mote para a partilha de ideias e testemunhos entre os mais de 2000 profissionais de recursos humanos que estiveram presentes na 17.ª edição da Expo RH, que decorreu de 14 a 15 de março, no Centro de Congressos do Estoril.

Aquele que é considerado o grande evento anual de referência dos recursos humanos em Portugal foi organizado IFE – International Faculty for Executives e teve a Sage como um dos patrocinadores.

Pode ler o essencial do que aprendemos no evento aqui.
E rever os melhores momentos neste vídeo.

 

Mesa-redonda sobre IA

Um dos pontos altos da Expo RH 2018 foi a mesa-redonda intitulada ““Novos habitantes do workplace”, moderada por Isália Barata, diretora de marketing da Sage e que teve como participantes Ladislau Álvares Batalha, Diretor de Operações, da NewSpring Services e Miguel Pernes, Administrador Delegado da ABB.

Segundo Isália Barata, a IA (Inteligência Artificial) veio para ficar. A responsável recorda que, em 2017, todos fomos impactados com a presença em palco de Sophia, o robot saudita que foi a sensação do Web Summit, levando ao extremo a ideia da “humanização” dos robots. Porém, de acordo com um estudo de tendências revelado pela Sage “Quatro Tendências da IA em 2018”, acredita-se que a IA com uma aparência humana se vá desvanecer gradualmente. De igual os especialistas da Sage preveem que a IA tenderá a dedicar-se à resolução de problemas reais do mundo; que a conjugação do capital humano com I.A trará resultados ótimos para as empresas e, por último, que a adoção por consumidores irá aumentar de forma significativa. Pode consultar as principais conclusões do estudo aqui.

O desafio que Isália Barata propôs aos oradores que participaram nesta mesa-redonda foi de que forma poderão as empresas ser mais inclusivas e abertas a esta revolução da IA, sem que os seus recursos atuais se sintam postos em causa. Um exemplo prático da aplicação de uma plataforma associada à IA é a do smart assistant desenhado pela Sage que possibilita a gestão de finanças pessoais através do serviço messenger do Facebook.  Os próximos desafios são os de fazer com a IA seja utilizada para resolver problemas de âmbito mais global e a criação de um código de ética que gere mais transparência na adoção da IA e aumente a confiança junto dos utilizadores.

Para saber mais sobre o tema: